top of page

O que é a terapia EMDR? Conheça a abordagem para tratar experiências traumáticas

Atualizado: 1 de set. de 2021



O EMDR, Eye Movement Dessensitization and Reprocessing, que em português significa Dessensibilização e Reprocessamento através do Movimento dos Olhos, é uma nova abordagem é uma abordagem terapêutica que pode ajudá-lo a superar experiências dolorosas do passado, e assim reprogramar seu cérebro, seguir em frente e encontrar maior bem-estar e qualidade de vida.


A abordagem foi desenvolvida nos EUA no final dos anos 80 pela Dra. Francine Shapiro. Basicamente, o EMDR funciona como o sono REM – o estágio do sono em que seus olhos se movem de um lado para o outro enquanto você sonha. Da mesma forma que o sono de qualidade ajuda seu cérebro a compreender o dia e a fazer o download de informações em sua memória de longo prazo, a terapia EMDR pode ajudá-lo a trabalhar e processar memórias antigas ou traumas.


Dessa forma, a terapia EMDR ajuda a superar – e a curar – o seu passado. Entenda que muitas experiências da vida, ainda que não tão complexas, podem ser registradas pelo cérebro como um trauma.


Quais são os benefícios da terapia EMDR?



A Terapia EMDR permite o acesso à rede de memória traumática, através da estimulação sensorial bilateral (ocular, auditiva e/ou tátil), para melhorar o processamento de informações, com novas associações entre a memória traumática e memórias mais adaptativas.


Ao estimular a ação natural do processamento da memória por meio do movimento dos olhos, o EMDR possibilita acessar e “reprocessar” suas memórias traumáticas e crenças centrais profundas.


Inicialmente, a abordagem foi utilizada para tratar Transtornos de Estresse Pós-Traumático (TEPT), tais como abusos sexuais, estupros, traumas de guerra, assaltos, desastres naturais e outros tipos de violência.


Hoje, entretanto, aplica-se a tratamento de ansiedade, depressão, insegurança, medos, traumas, fobias, transtorno de pânico, problemas de relacionamento pessoal, baixa autoestima, transtorno do sono, instalação de recursos positivos e melhora no desenvolvimento pessoal e profissional.


Como a terapia EMDR funciona


A técnica que passa por oito fases é baseada na abordagem do modelo AIP – Adaptive Information Processing ou Processamento Adaptativo da Informação, com foco nos seguintes pontos:

  1. os eventos passados que podem ter induzido sentimentos desagradáveis/perturbadores;

  2. as experiências físicas e emocionais atuais, que funcionam como disparadores, e

  3. possibilidades futuras para o cliente.

As etapas do tratamento passam pela coleta de informações, história clínica, queixa e sintomas do paciente; elaboração de um plano de tratamento; preparação do cliente com orientações sobre a terapia e definição do alvo inicial; dessensibilização e reprocessamento da memória traumática; dentre outras etapas importantes para o encerramento do processo.


O número de sessões depende da evolução do tratamento e a necessidade é avaliada em conjunto pelo terapeuta e paciente.


O EMDR é amplamente conhecido por produzir resultados rápidos. Muitas pessoas relatam ter sentido uma diferença após a primeira sessão! Embora a experiência de cada pessoa seja diferente, muitas condições emocionais podem ser tratadas com eficácia em apenas algumas sessões.


Os pacientes com EMDR também relataram maior redução dos sintomas, ou seja, maior eficácia em comparação com outro tratamento.


Embora a experiência de cada um seja única, muitas pessoas relatam sentir uma melhora perceptível em seu estado emocional após o EMDR: “Mais calmo”, “mais leve”, “Menos angustiado”, “mais relaxado”.


Alguns também relatam melhora dos sintomas físicos (como dor crônica). Esses benefícios positivos costumam ser sentidos mesmo após UMA única sessão.


O resultado final


A terapia EMDR é uma maneira de ajudar o cérebro a curar-se de feridas antigas. Ela permite que você resolva suas preocupações, de modo que você não precise mais fazer ginástica mental quando seu passado doloroso tiver sido desencadeado por algo.

David Grand afirma que o cérebro tem a capacidade de curar-se de memórias, emoções e crenças intratáveis, assim como o corpo consegue se curar de ferimentos físicos. O autor destaca também que não precisamos aceitar que estamos “presos para a vida toda” aos sintomas dolorosos, à baixa autoestima ou a discursos negativos que ecoam constantemente em nossas mentes.


Pesquisas e EMDR


EMDR é um dos tratamentos de saúde mental mais bem pesquisados. Os estudos indicam consistentemente que o EMDR é mais efetivo, tem ação mais rápida e mais duradoura que outras formas de tratamento. Detalhes dos estudos de pesquisa do EMDR sobre veteranos de combate, vítimas de traumas e pacientes com depressão estão amplamente disponíveis online.


A terapia EMDR pode ajudar a reconectar seu cérebro e capacitá-lo a superar mágoas passadas, para que você possa encontrar o bem-estar que merece e viver de acordo com seus valores e objetivos de vida. Para conhecer mais sobre a abordagem e seus benefícios, agende uma sessão.


Carolina Mirabeli é Psicóloga (CRP 06/69647), Consteladora Familiar Sistêmica, Hipnoterapeuta, Coach de Carreira e de Saúde Integral e Bem-Estar, Terapeuta em EMDR e estudando Medicina Chinesa- Acupuntura. É facilitadora de cursos e workshops de Auto-Conhecimento e Saúde Integral.

コメント


bottom of page